Você está aqui: Página Inicial > PESQUISA > Pesquisas em andamento

Pesquisas em andamento

por admin publicado 01/10/2015 17h25, última modificação 23/01/2017 13h43

Projeto DNIT TED nº682/2014

Processo nº 50607.002043/2013-00

Execução de estudos e pesquisa para elaboração de método mecanístico - empírico de dimensionamento de pavimentos asfálticos.

Convênio UFRJ/DNIT 

TÍTULO

Execução de estudos e pesquisa para elaboração de método mecanístico - empírico de dimensionamento de pavimentos asfálticos.

IDENTIFICAÇÃO DO OBJETO

Disponibilizar apoio técnico especializado para formular junto com o IPR – Instituto de Pesquisas Rodoviárias / DNIT pesquisas e desenvolvimento de procedimento de atualização de norma e de método de dimensionamento de pavimentos asfálticos, com desenvolvimento de software adequado para analisar estruturas de pavimentos novos ou a serem restaurados.

OBJETIVO GERAL

Este plano de trabalho tem por objetivo geral desenvolver pesquisas, metodologias, e procedimentos, visando a implantação no DNIT de um novo método de dimensionamento de pavimentos asfálticos, atualizando a capacitação institucional para realizar projetos de estruturas de pavimento mais adequadas às condições de solicitação do tráfego e do clima, com melhoria dos processos de avaliação dos projetos contratados e confiabilidade de estimativa da vida útil.

Objetivos específicos

Este plano de trabalho, elaborado em parceria pelo IPR e pela Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ engloba oito objetivos específicos para se alcançar a meta geral de desenvolvimento do novo método de dimensionamento de pavimentos asfálticos. Estes oito objetivos são explicados na metodologia do projeto e fixarão o cronograma de trabalho.

São os seguintes os objetivos específicos ou metas:

  1. Análise crítica dos métodos existentes em vigor no IPR
  2. Análise crítica dos bancos de dados existentes no IPR e DNIT de interesse direto no escopo deste projeto
  3. Estabelecimento dos princípios do novo método de dimensionamento
  4. Elaboração de sistema de dimensionamento; ferramentas de análise de tensões e deformações e aplicação de critérios de ruptura ou equações de desempenho.
  5. Estabelecimento de critérios de calibração das equações de desempenho.
  6. Elaboração de manuais e treinamentos.
  7. Implantação e acompanhamento das funcionalidades do sistema.
  8. Fechamento do projeto e entrega do “Método”.

 

O produto final por simplificação denominado de “Método” será resultante do processo definido durante as etapas descritas anteriormente, e atenderá aos requisitos acertados em comum acordo com o IPR e o corpo técnico da área de projeto do DNIT. O ciclo do projeto é composto pelas fases de planejamento do projeto, levantamento do conhecimento existente e dos requisitos, desenvolvimento de software e manuais, implementação dos programas, validação dos critérios, treinamento dos técnicos e homologação pelo IPR/DNIT e pelo Ministério dos Transportes. 

 Pesquisa UFRJ